Bebê morre após sofrer violência sexual e física em Maceió; suspeito é o pai, que foi preso

Um bebê de dois meses morreu após sofrer violência sexual no bairro do Bom Parto, em Maceió. O suspeito do crime, que ocorreu na segunda-feira (31), é o pai da criança, que foi preso pela Polícia Militar.


O chefe de serviço da Delegacia da Criança e do Adolescente, contou que o bebê estava sozinha em casa com o pai, quando uma vizinha ouviu o choro do bebê e foi até o local.

"A vizinha contou que ouviu um choro muito alto e que nunca tinha ouvido uma criança gritar e chorar dessa maneira. Ela informou que encontrou o pai, e ele disse que o bebê tinha caído. A vizinha não acreditou e saiu com a criança no braço para a unidade de saúde, mas ela já estava morta", lamenta Alan Barbosa.

Barbosa diz que o bebê estava com olho inchado, marcas roxas no braço e graves lesões nas partes íntimas. "Foi uma situação muito triste de ver, como o ser humano, ainda mais o pai, faz uma coisa dessa com uma criança".

Ainda segundo Alan Barbosa, a mãe do bebê tem 13 anos de idade e não estava em casa no momento do crime. "Além de responder por homicídio e violência sexual contra o bebê, ele também vai responder por estupro contra a mãe da criança", afirma.


O pai da vítima, de 21 anos, foi preso suspeito do crime e levado para a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), onde foi autuado.

G1

Nenhum comentário

Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente a do Portal Bom Jardim.
A responsabilidade é do autor da mensagem.