Corpo de Gugu chegará ao Brasil nesta quinta (28) e novas informações do velório são divulgadas


Em homenagem a Gugu Liberato, Record decide continuar com o famoso programa do apresentador, Canta comigo (Foto: Divulgação)
Em homenagem a Gugu Liberato, Record decide continuar com o famoso programa do apresentador, Canta comigo (Foto: Divulgação)

Corpo de Gugu já tem previsão de chegada ao Brasil e detalhes do velório e sepultamento são divulgados

O corpo do apresentador Gugu Liberato deixará os Estados Unidos na noite desta quarta-feira, 27, com previsão de chegada a São Paulo no início da manhã de quinta. A informação foi informada pela assessoria de imprensa do apresentador.
Também foi confirmado que familiares de Gugu irão vir ao Brasil no mesmo voo, que irá até o aeroporto de Viracopos, em Campinas. Depois disso, após o cumprimento dos trâmites legais, o corpo seguirá para a Assembleia Legislativa de São Paulo, onde acontecerá o velório.
A despedida vai acontecer no salão principal da Assembleia Legislativa e será aberto para que fãs possam dar adeus ao apresentador. A assessoria frisou que a família não falará com nenhum veículo de comunicação. Espera-se que o velório de Gugu Liberato inicie às 12 horas de quinta-feira até às 10h da manhã de sexta-feira (29). O sepultamento será no cemitério Gethsêmani, no Morumbi, onde se encontra o jazigo da família.
A assessoria de imprensa pediu respeito ao momento de dor da família. “Não existe nenhum motivo para seguir o cortejo até a Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo. Os carros têm vidros escuros e não existe nada a registrar. Estaremos transportando uma família completamente abalada e uma senhora de 90 anos, mãe de Gugu. Todos merecem enfrentar este duro momento com a devida privacidade, respeito e segurança”, escreveu  em nota.
É válido lembrar que o melhor amigo do famoso, Homero Salles, foi seu diretor por 40 anos. Ele comentou detalhes de seus últimos momentos ao lado de Gugu Liberato e emocionou. Em carta enviada ao colunista Flavio Ricco, Homero contou que acompanhou a família de Gugu desde o primeiro dia do acidente e disse o motivo de não ir para o funeral.
“Esses momentos a sós, foram a minha dolorosa despedida[…] Não tenho mais lágrimas para derramar e não tenho a força de sua mãezinha, Maria do Céu, que aos 90 anos, consegue com seu exemplo firme e forte, manter a família de pé, para ir ao seu funeral. Eu ficarei agora de longe, na retaguarda, como sempre estive e orando muito para que ele tenha a paz que merece e que o Senhor Jesus […]”, finalizou ele.

TV FOCO

Nenhum comentário

Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente a do Portal Bom Jardim.
A responsabilidade é do autor da mensagem.